Agência de Desenvolvimento de Jundiaí e Região

01 fev 2018 - 10:03h

A ADEJ

A ADEJ - Agência de Desenvolvimento de Jundiaí e Região

Agência de Desenvolvimento de Jundiaí e Região.

Missão

Promover o desenvolvimento sustentável na
região de Jundiaí.

Situação jurídica:

  • Organização da sociedade civil de interesse público, sem fim lucrativo, de direito privado, com autonomia administrativa e financeira.
  • Possui certificação como OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) junto ao Ministério da Justiça desde 2006.

Objetivos estatutários:

  • Promover o desenvolvimento local, integrado e sustentável de Jundiaí e região;
  • Promover o planejamento estratégico;
  • Prestar serviços às empresas;
  • Promover a capacitação de recursos humanos;
  • Defesa, preservação e conservação do meio ambiente e promoção do desenvolvimento sustentável;
  • Promoção do voluntariado;
  • Promoção do desenvolvimento econômico e social e combate à pobreza.

Abrangência geográfica (Jundiaí e municípios limítrofes)

  • Cabreúva
  • Cajamar
  • Campo Limpo Paulista
  • Itatiba
  • Itupeva
  • Jarinu
  • Jundiaí
  • Louveira
  • Morungaba
  • Várzea Paulista
  • Vinhedo

NOTA: O objetivo é descentralizar e estimular que cada um desses municípios tenha sua agência local de desenvolvimento, e que tais agências atuem de forma harmônica e integrada no tratamento de questões de caráter regional.

Origem

  • Inspirada no conceito de agências de desenvolvimento locais e regionais propalado pela SECTD do governo do Estado de S.Paulo no início da década de 90 e objeto de estudo e difusão então em Jundiaí pela APJ (Ação pró-Jundiaí).
  • Outra vertente de inspiração quanto ao “modus operandi” é o DLIS desenvolvido pela Comunidade Solidária- programa do Governo Federal , desenvolvido no final da década de 90, que em conjunto com a criação da figura jurídica das OSCIPs, criou-se a estrutura legal para operação de Agências de Desenvolvimento.
  • Passou a existir em 2003, por iniciativa de empresários com o apoio de suas empresas e suas entidades representativas, bem como Prefeitura Municipal de Jundiaí e do Sebrae. Sua ata de fundação data de 9/12/02, registrada posteriormente e referendada em 25/6/003.

Administração

  • Assembléias;
  • Conselho de administração (13 cargos);
  • Conselho fiscal (4 membros);
  • Diretoria executiva (ainda não designada);
  • Departamentos (ainda não constituídos).